CATEGORIA DO DF MANTÉM ESTADO DE GREVE E SEGUE PARA ASSEMBLEIA NO DIA 14 DE AGOSTO

View Gallery
3 Photos
CATEGORIA DO DF MANTÉM ESTADO DE GREVE E SEGUE PARA ASSEMBLEIA NO DIA 14 DE AGOSTO
azul 02

CATEGORIA DO DF MANTÉM ESTADO DE GREVE E SEGUE PARA ASSEMBLEIA NO DIA 14 DE AGOSTO
azul 01

CATEGORIA DO DF MANTÉM ESTADO DE GREVE E SEGUE PARA ASSEMBLEIA NO DIA 14 DE AGOSTO
azul 03

Nesta terça-feira, dia 7 de agosto, após serem surpreendidos pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) com o despacho que propõe a manutenção do ACT 2017/18, mais o pagamento de reajuste salarial com base na inflação, a categoria aprovou na assembleia do SINTECT/DF a orientação do Comando Nacional de Mobilização e Negociação da FENTECT (CNMN) e da Findect (as federações lançaram informe em conjunto) pela manutenção do estado de greve, com nova assembleia e indicativo de paralisação para o dia 14 de agosto, e o encontro entre o Comando e o ministro vice-presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Renato de Lacerda Paiva, para que ele ouça e conheça de perto a realidade dos trabalhadores dos Correios.

Para Amanda Corcino, presidenta do sindicato, o despacho do TST foi uma surpresa e também uma arbitrariedade. “É o Judiciário intervindo na organização sindical. No entanto, a gente entende que, diante dos ataques da ECT, essa proposta representa avanço, preservando nossas conquistas. Mas entendemos, ainda, que é preciso buscar melhorias”, ressaltou.

Segundo a presidenta também é preciso que haja a reunião com o TST para rever a questão dos descontos do plano de saúde, já que há trabalhador pagando até 70% do benefício e mais de 14 mil ecetistas já se desligaram do plano para não arcar com o ônus.

De acordo com o secretário geral da FENTECT, José Rivaldo da Silva, o TST precisa ouvir os trabalhadores. “Não quero dizer que o ministro vai mudar essa situação, mas ele precisa entender a nossa situação. Se aprovamos aqui a proposta do tribunal, de prontidão, isso vira moda. É necessário organização e preparação para esta semana sermos recebidos pelo ministro, para dialogar com ele e o pessoal do Rio de Janeiro, São Paulo, Tocantins, Maranhão e Bauru”, explicou.

Dentro e fora dos Correios 
Na ocasião, o presidente da CUT-DF, Rodrigo Rodrigues, convidou também os trabalhadores dos Correios a fazerem parte do Dia do Basta, sexta-feira, 10 de agosto. Serão realizadas ações por todo o Brasil para dizer não à retirada de direitos e à política de desmonte das empresas públicas e estatais. Já a deputada Érika Kokay (PT-DF) ressaltou o compromisso, este ano, da categoria com as eleições, para que não elejam novamente os companheiros do presidente golpista Michel Temer. Além disso, colocou a Comissão do Trabalho à disposição dos ecetistas.

Pela ação contínua
A categoria do DF e entorno aprovou também na assembleia desta terça-feira o desconto assistencial de 1% durante quatro meses, para manter o sindicato participativo em todas as lutas da categoria e nacionais contra a retirada de direitos e as privatizações. “Este ano, a nossa dificuldade é maior ainda por não termos o imposto sindical. Por isso, é importante a conscientização da categoria para mantermos a luta”, destacou Amanda.

Agora, é preciso que todos os trabalhadores se mantenham informados e participem das mobilizações que virão. “Foi a força da nossa última assembleia que forçou a empresa a recuar e ir ao TST solicitar uma imposição do tribunal. Demonstra um amadurecimento muito grande do Comando unificar as duas federações, para tomar atitudes conjuntas. Por isso, o SINTECT/DF decidiu encaminhar a orientação das representações”, finalizou a presidenta Amanda.

 

FONTE: SINTECT/DF

Ainda não há comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Associação dos Analistas de Correios do Brasil

SGCV, LT 11, Bloco C, SL 121, Park Studios, Zona Ind. Guará – Brasília- DF, CEP 71.215-610
CNPJ 24.712.944/0001-50
Portal: www.aacb.org.br
Direto: contato@aacb.org.br

Associação dos Analistas de Correios do Brasil,

SIGA-NOS

»